domingo, 17 de fevereiro de 2013

5

problemas problemas, como lidar?

Como vocês podem ver, digo, ler, digo, perceber, enfim. Passei uns dias sem aparecer por aqui novamente.

Sabe quando as coisas não estão bem? Pois é. As coisas estavam péssimas pra falar a verdade.
Dias de muitas conversas, chatiações e problemas sérios em plena semana do meu aniversário (que foi domingo passado, dia 10).

Nem queria expor ninguém, nem preocupar ninguém. Suportei uma carga sozinha até onde pude.
Sabe fogo cruzado? Lá estava eu. Marido de um lado, mãe e pai do outro, cunhada do outro...  Palavras mal usadas e mal interpretadas, coisas que são ditas num momento de raiva causando briga e confusão. Coisinha besta de família que ficou séria. Minhas conquistas, meus planos, parecia que tudo iria por água abaixo! Me senti no meio de um cabo de guerra tendo que ouvir os dois lados, apoiar, saber lidar. Chorava por não saber como agir, como trazer paz entre as "nações". Gente, como o ser humano é difícil! Puts...

Agora que tudo aparenta estar mais calmo, posso voltar em paz.
Precisei desse carnaval pra relaxar LITERALMENTE.
Toda organização que iria fazer no apê ficou pra depois. As prateleiras que iríamos instalar nos banheiros, a porta de entrada que iríamos pintar, o closet que iria organizar... Ficou tudo pra sei lá, quando der.

Cozinhei tudo que o marido queria comer. Dormimos até o nosso limite de sono. Tivemos visitas de outros familiares para rir, jogar conversa fora, comer mais um pouquinho, se distrair. Sinto que estávamos precisando disso. Do aconchego do nosso lar, do nosso canto, da nossa paz. Me desliguei do mundo e da internet.

Comemorei sim meu aniversário com as amigas durante a semana. Fiz uma festinha íntima e tal.
No domingo Willia e eu arriscamos uma ida bate-volta para conhecer o famoso carnaval de bezerros (interior de Pernambuco). Mostrei-me alegre, firme e forte todo tempo! Mas só eu sabia como estava meu coração. Pois naquele exato momento era pra estar rolando meu churras com a família, mas, né, foi cancelado devido problemas maiores.

Queria só contar as partes boas para vocês.
Em como foi bom receber café na cama na manhã de domingo.
Como alegre foi minha segunda-feira em receber minha prima com seu esposo, bebê de 4 meses e filho de 5 anos. De quebra receber a visita inesperada de outro primo, da tia, dos avós. Tudo junto e misturado no meu apêzinho.

Não sei se ia soar falso dimais tentar esconder (omitir). Se estou me expondo. Exagerando. Dramatizando.
Afinal, problemas de família acontece com todo mundo né?
Só achei que por um momento, iria ter que decidir entre marido e pai/mãe (coisa que não existe), entre ficar ou ir embora, entre parar meus planos ou seguir em frente...

Foi bem difícil, chato, mas passou (está passando espero!)
Acho que não só de alegrias se faz um blog né?
Pra isso também que servem azamiga, pra gente se abrir, desabafar...

Me desculpem pela leitura chata de hoje. =/

ps: Está tudo bem conosco. E ainda na noite do meu aniversário meu pai comprou pizza, reuniu todo mundo. Mesmo com o "clima" estranho conseguimos cantar parabéns, conversar na varanda e sorrir...
Comentários
5 Comentários

5 comentários:

  1. Aii Má, eu te entendo, as vezes não gostamos de expor certas coisas e pensamos que o blog é só para falar das alegrias. Mas não é. Eu, muitas vezes, desabafei no meu blog, e como é bom né? Escrever ajuda muito a gente.

    Mas bom que tu se deu um tempo pra pensar, relaxar, refletir e curtir o marido. Importante. E essa coisa de escolher entre um e outro não existe mesmo, e é chato ficar nessa situação né. imagino como ficou triste.
    Mas o tempo passa e tudo se ajeita, conversando, refletindo é assim que funciona.

    Fica bem tá?
    Beijos e se cuida.

    ResponderExcluir
  2. Nossos cantinhos são pra isso mesmo,mostrar que somos seres normais com muitas alegrias mais que passamos por fases dificeis também.Mais que bom que tudo está mais calmo.bjos

    ResponderExcluir
  3. Querida, sinta-se abraçada. Essa situação é horrível, eu já estive em algo assim (com outro namorado) e me senti mal demais.... (embora naquele caso os meus pais estivessem certos, o que não digo que seja o seu caso). Mas é ruim, de qlq forma. Sempre dolorido.

    Use o seu espaço sempre que quiser para o que quiser! Sinta-se livre, só vem aqui quem gosta de vc, menininha!

    Beijos grandes, espero que esteja tudo bem por aí!
    =)
    E feliz aniversário atrasado!!!!!!!!!!!
    Parabéns, parabéns, parabéns!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Querida, conhece aquele ditado? Isso acontece nas melhores famílias? Mas, o bom é que logo tudo passa e fica como aprendizado, momentos que fazem parte da vida. E claro que não é só de alegrias que se faz um blog e estamos aqui para isso.

    Bjos e mtassssssssss felicidades. Parabéns atrasado!!!

    ResponderExcluir
  5. Maraysa querida! Família é tudo igual. Nese carnaval reunimos a família e adivinha? Tb teve bafafá, clima chato e depois tudo se resolveu, o importante é sempre esperar a poeira baixar pra esclarecer tudo né? Felicidades pelo aniversário e que só tenha momentos felizes e de calmaria a partir de agora! gde beijo

    ResponderExcluir

Vamos conversar comadre? Eu falo daqui e você daí!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...